Curta: Madrugada

foca_na_noite_10

No silencio da noite que escutamos os as vozes da alma, na minha ignorância eu presumo que algumas pessoas chamam isso de meditação.

Na calma serena que suas ideias bagunçadas, dispersas, desconectas se mostram em harmonia, é como ver a imagem final de um quebra-cabeça antes de montá-lo, algumas pessoas chama isso de inspiração.

Na escuridão total existe apenas um caminho, o caminho que você escolher trilhar, não a influencia na escolha, não tem trilhas para seguir. Muitos entendem isso como livre-arbítrio.

Na solidão onde ninguém escuta nossas reclamações e agradecimentos, onde ninguém opina sobre suas decisões, onde podemos encontrar o reconforto de nossa própria crença. Alguns chamam isso de Deus, eu, apesar de acreditar nele, chamo isso de autoconhecimento.

Por todos esses motivos e alguns outros não citados, eu digo e afirmo que a madrugada é a melhor amiga dos escritores. Mas, se você não se considera um escritor (a), pare e pense, pois são as suas atitudes que escrevem a história da sua vida, que podem ser igualmente pensadas quanto às ideias de qualquer outro artista, durante a fiel madrugada que na escuridão, clareia as mentes.

Anúncios

O que achou?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s